Sem categoria

Abertura do Ano Jubilar

Neste domingo de Páscoa de 2021, celebramos a abertura do ano Jubilar – 150 anos da chegada ao Brasil da primeira comunidade missionária das Irmãs Franciscanas da Penitência e Caridade Cristã. Nosso coração se alegra e se eleva com gratidão a Deus Bom e Providente pelas bênçãos e graças derramadas na vida das Irmãs e de todos os colaboradores que construíram esta história com amor e doação. Deus nos conduziu como conduziu São Francisco, Santa Clara e Madre Madalena, nossos inspiradores e fundadores. Ele nos guia e seu Espírito sempre ilumina com esperança o nosso caminhar.

Toda missão é obra do Amor de Deus, que encoraja os corações simples e fraternos a colocar-se a caminho como resposta a um clamor. A história da missão das Irmãs Franciscanas da Penitência e Caridade Cristã no Brasil começou com uma carta escrita por Padre Guilherme Feldhaus para a Superiora, Madre Aloísia Lenders, que estava na Alemanha. Nesta carta, o superior da missão dos jesuítas no Rio Grande do Sul solicitou o envio de Irmãs para o Brasil, mais especificamente para São Leopoldo, a fim de assumirem a educação de crianças e jovens, filhas de imigrantes alemães.

Madre Aloísia viu neste apelo um aceno de Deus Bom e Providente. O padre Jesuíta pediu “Duas Irmãs em traje civil.” A superiora das Irmãs Franciscanas respondeu: “Ou seis Irmãs em seu traje religioso ou nenhuma!”  Em 1872, as seis Irmãs vieram, escolhidas dentre mais de uma centena de irmãs que se dispuseram a vir como missionárias ao Brasil: Madre Ana Moeller, Irmã Teresia Cremer, Irmã Maria Lichtenberg, Irmã Florência Hemsel, Irmã Alvina Ferbers, Irmã Ludgera Hellwig.

Sob a proteção de São José enfrentaram as dificuldades na longa viagem, durante toda quaresma do ano de 1872. No dia 31 de março, na radiosa manhã de Páscoa de 1872, o navio, trazendo entre seus passageiros as 6 irmãs missionárias, atracou em Porto Alegre. A nossa historiadora Irmã Benícia Flesch, referindo-se a este fato, diz: “Que alegria – e que decepção: ninguém no cais, à espera das missionárias! Com o atraso havido, ninguém soubera da chegada do vapor. Mas a Divina Providência não falhou. A presença das Irmãs foi notada e logo mais apareceram as pessoas encarregadas de acolhê-las e providenciar pela continuação da viagem. Embora houvessem preferido seguir imediatamente para São Leopoldo, as missionárias tiveram de esperar até a manhã de terça–feira quando um vaporzinho faria seu percurso costumeiro rio dos Sinos acima, pois na época não havia automóveis e a construção da estrada de ferro era apenas um projeto. Acompanhadas pela viúva Dona Maria Luíza Englert, e mais algumas senhoras, as Irmãs chegaram finalmente a seu destino, às 14h do memorável dia 02 de abril de 1872. A recepção foi solene, festiva, quase triunfal. Padre Feldhaus e numerosas pessoas – adultos, jovens, crianças, entre os quais pitorescamente se misturavam cabras e cães – esperavam as missionárias às margens do rio. Os sinos tocaram alegremente e, feitas as primeiras saudações, todos se dirigiram à igreja matriz – amplo recinto ainda sem bancos – para lá entoarem o ‘Te Deum’, o ‘Grosser Gott, wir loben Dich’”. E conclui a historiadora: “Após tantas peripécias e tanta proteção visível do Alto, era preciso derramar o coração diante do Senhor, para agradecer e louvar!(Livro: passo a passo uma caminhada Vol I)

Esta história de fé inabalável, de coragem ousada e de esperança confiante no Senhor que nos chama e sempre está conosco e nos conduz, continuou no decorrer destes 150 anos nas centenas de irmãs missionárias ativas, orantes e dedicadas, que tocaram corações e construíram histórias de boas samaritanas em cada tempo. A seu jeito, cada uma das irmãs, em sua missão colocou em prática o Evangelho de Jesus Cristo: Viu… sentiu compaixão… aproximou-se e cuidou…. 

Assim como no início, no decorrer dos 150 anos de missão, nas diferentes atividades e realidades de atuação das irmãs, muitas peripécias, dificuldades, privações e cruzes foram vivenciadas como também a visível proteção e o cuidado amoroso e misericordioso de Deus Bom e Providente sempre se fizeram presentes, animadas pela Palavra de Jesus Cristo: Eu estarei sempre com vocês, não tenham medo!

Neste domingo da Páscoa, em meio ao grande momento de dor, de incertezas e de cruz mas também de muito amor, doação, solidariedade pelo qual passa toda humanidade, queremos reafirmar a nossa fé, alegria e esperança ederramar o coração diante do Senhor, para agradecer e louvar!”

As irmãs dedicaram ao fiel protetor São José, cuja pequena imagem carregavam consigo, a primeira obra missionária: o Colégio São José, que iniciou sua missão no dia 05 de abril de 1872. Com humildes começos, a missão das Irmãs de São Leopoldo se estendeu às 5 regiões do Brasil, à Guatemala e à Argentina.

Hoje nós, 373 Irmãs em duas Províncias Brasileiras, continuamos esta missão confiada a nós pela Bondade e Providência de Deus, nos diferentes campos de missão: na educação, na saúde, na pastoral paroquial e nos projetos sociais junto aos mais pobres, no cuidado de crianças, adolescentes, jovens e idosos, tocando corações e construindo histórias.

Neste ano especial dedicado a São José, pelo nosso querido Papa Francisco, pedimos mais uma vez, como as primeiras missionárias em alto mar, sua intercessão e sua bênção hoje por toda a humanidade, para que a Vida seja Salva. São José, padroeiro de nossa missão e que torna possível o que parece impossível, rogai por nós.

Por tudo somos agradecidas. Deus é Bom! Ele é muito Bom! Deus cuida!

Irmã Mônica de Azevedo
Ministra Provincial
Província do Sagrado Coração de Jesus
São Leopoldo-RS – Brasil

Posted in Notícias, Sem categoria | Comentários desativados em Abertura do Ano Jubilar

A CAMINHO DOS 150 ANOS

O ano de 2021 marca o início das comemorações do sesquicentenário do Colégio São José. Hoje, 05 de abril, oficializamos a abertura dos 150 anos de Missão Educativa assumida pelas Irmãs Franciscanas da Penitência e Caridade Cristã.O Colégio São José é o Colégio da promessa e vocês sabem o motivo? Na vinda das Irmãs Franciscanas para o Brasil, do Rio de Janeiro a Porto Alegre, o leme quebrou e o navio ficou à deriva por vários dias. Os tripulantes recorreram às Irmãs, pedindo orações. Elas traziam em mãos uma pequenina imagem de São José e pediram sua intercessão, que se todos chegassem bem ao seu destino, a primeira obra em São Leopoldo levaria o nome dele, São José.Em 05 de abril de 2022, completaremos 150 anos de comprometimento e dedicação à educação, dando continuidade à essa história que iniciou com uma bela travessia de fé, esperança e humanização.

Posted in Notícias, Sem categoria | Comentários desativados em A CAMINHO DOS 150 ANOS

Envio de Ir. Vera Lúcia Konzen

“Vamos Juntas Servir ao Bom Deus!”
Envio de Ir. Vera Lúcia Konzen que assumirá seu ministério de Assistente Geral no dia 02 de fevereiro, em Roma.
Ir. Vera te desejamos uma abençoada missão!

Posted in Sem categoria | Comentários desativados em Envio de Ir. Vera Lúcia Konzen

Imagem2O dia 02 de abril amanheceu lindo… As Comunidades do Complexo São José, Sede Provincial, Madre Ana e Rainha da Paz, reunidas no café da manhã, iniciaram o dia muito alegres, irradiando o júbilo da celebração dos 145 anos de presença das Irmãs no Brasil, em São Leopoldo. Muito lindo poder celebrar esta data exatamente neste chão onde nossas primeiras seis Irmãs pisaram!  Às 9h, as Irmãs das Comunidades de São Leopoldo – todas que puderam – se dirigiram à Paróquia Santa Catarina, para participar da Santa Missa em Ação de Graças pelos 145 anos de presença das Irmãs Franciscanas da Penitência e da Caridade Cristã, em São Leopoldo – no Brasil, com uma grande participação do povo. No momento da homilia, o Padre José Roberto Corrêa convidou a Ministra Provincial Irmã Mônica, juntamente com as visitadoras Irmã Dirce e Irmã Pacyfika, a falarem sobre o evento. Nesta celebração participaram também as famílias de 15 crianças que foram batizadas, logo após a Missa. Ao final da Missa, as Irmãs distribuíram para todos os fiéis uma pequena mensagem de louvor e ação de graças. Que o bom Deus suscite hoje em nós e no coração de muitos jovens o ardor e a coragem missionária de nossas primeiras Irmãs! Imagem1

Comunidade do Sagrado Coração de Jesus

Posted in Sem categoria | Comentários desativados em

Encontro das Irmãs Animadoras Vocacionais das Comunidades

No dia 15 de outubro aconteceu no Colégio São José, São Leopoldo, o encontro das irmãs animadoras vocacionais das comunidades da Província do Sagrado Coração de Jesus. A oração inicial fez sintonia com o mês missionário, rezando este lindo Ministério ao qual fomos chamadas e enviadas, anunciar a Boa Noticia do Reino de Deus, neste mundo, em nossa casa comum, lembrando-nos de que, como diz na música de Cirineu Kuhn, “Tudo está interligado, como se fossemos um”. Ao longo da manhã e iniciando a tarde refletimos, a partir do Evangelho do Bom Samaritano, ações concretas para o próximo ano. Ao fim pudemos oferecer todos os desafios e anseios, celebrando a Santa Missa junto às irmãs e moradores do Lar Santa Elisabeth. Tivemos a presença alegre dos e das coroinhas, da Paróquia Santa Catarina, que animaram a missa e no final apresentaram um teatro contando a história da vida de sua Padroeira. Agradecemos às irmãs envolvidas na preparação do encontro, e comunidade que nos acolheu neste dia. Gratidão ao Bom Deus por estes encontros, por Sua presença e força constantes na caminhada.

img_1676 img_1678 img_1680 img_1681

14725257_908002605997630_1875210279_o 14724292_907991892665368_557784734_o 14725359_907994639331760_1430456413_o

14697164_907996935998197_427004206_o 14699583_907996185998272_174511743_o 14689311_907996609331563_2052220533_o

14724067_907998569331367_1199984802_o 14618914_907999825997908_592365519_o 14618669_907999575997933_501013603_o

Posted in Notícias, Sem categoria | Comentários desativados em Encontro das Irmãs Animadoras Vocacionais das Comunidades

Irmãs Franciscanas da Penitência e Caridade Cristã celebram 180 anos de Missão

Posted in Sem categoria | Comentários desativados em Irmãs Franciscanas da Penitência e Caridade Cristã celebram 180 anos de Missão

Nos dias 27 a 30 de outubro, aconteceu em Brasília o SEMINÁRIO DA FAMÍLIA FRANCISCANA DO BRASIL,tendo como tema: “ Interpelações do Vaticano II à FAMÍLIA FRANCISCANA.”  Mais de 70 participantes refletiram os quatro temas básicos: Eclesiologia (LumenGentium), A Palavra de Deus (Dei Verbum), A Experiência orante de Francisco de Assis e a Proposta Litúrgica do Concílio Vaticano II (Sacrossanctum concilium) e o tema da Missiologia (Ad Gentes e Gaudium et Spes). Foi uma experiência gratificante e  cheia de esperança revisitar o Vaticano II, sob o olhar fraciscano.

Posted in Sem categoria | Comentários desativados em

Encontro de formadoras das duas províncias

         Nos dias 25 a 27 de julho as Irmãs Formadoras da Província do Sagrado Coração de Jesus/Porto Alegre/RS e da Província do Imaculado Coração de Maria/Santa Maria/RS encontraram-se para o encontro de formadora em Santa Maria/RS, com o desejo de fortalecer os laços que as unem.

Objetivos:

• Refletir o processo formativo nas Províncias a partir da Regra e Vida e das CCGG;

• Criar maior unidade entre as Províncias no que diz respeito às etapas formativas;

• Promover a partilha das formadoras nas diversas etapas formativas;

• Partilhar aspectos importantes da experiência do Carisma.

      Foram dias de oração, reflexão, partilha de vida e experiências e retomada da caminhada formativa das duas províncias. Diante dos desafios no acompanhamento vocacional acreditamos que Jesus nos conduz em nossa missão e nos dá força e coragem para prosseguirmos .

formadoras

Imagem2 Imagem1

Posted in Notícias, Sem categoria | Comentários desativados em Encontro de formadoras das duas províncias

Primeiro discurso do Papa no Brasil


Após saudar a multidão pelas ruas do Rio de Janeiro, o papa Francisco foi recebido no palácio Guanabara, sede do governo do Estado, onde proferiu as seguintes palavras:

“Aprendi que para ter acesso ao Povo Brasileiro, é preciso ingressar pelo portal do seu imenso coração; por isso permitam-me que nesta hora eu possa bater delicadamente a esta porta. Peço licença para entrar e transcorrer esta semana com vocês. Não tenho ouro nem prata, mas trago o que de mais precioso me foi dado: Jesus Cristo! Venhoem seu Nome, para alimentar a chama de amor fraterno que arde em cada coração; e desejo que chegue a todos e a cada um a minha saudação: “A paz de Cristo esteja com vocês!”

Após o Papa saudou com deferência a Presidente Dilma Roussef e as autoridades presentes, agradecendo a acolhida e as palavras que externaram a alegria dos brasileiros pela sua presença no Brasil. O Santo Padre dirigiu então uma palavra de afeto aos seus irmãos no Episcopado, “sobre quem pousa a tarefa de guiar o Rebanho de Deus neste imenso País, e às suas amadas Igrejas Particulares. Esta minha visita outra coisa não quer senão continuar a missão pastoral própria do Bispo de Roma de confirmar os seus irmãos na Fé em Cristo, de animá-los a testemunhar as razões da Esperança que d’Ele vem e de incentivá-los a oferecer a todos as inesgotáveis riquezas do seu Amor”.

O Papa observou que a sua presença no Brasil, transcende as fronteiras do país, pois veio para a Jornada Mundial da Juventude: “Vim para encontrar os jovens que vieram de todo o mundo, atraídos pelos braços abertos do Cristo Redentor. Eles querem aconchegar-se no seu abraço para, junto de seu Coração, ouvir de novo o seu potente e claro chamado: ‘Ide e fazei discípulos entre todas as nações’”.

E acrescentou, “Cristo abre espaço para eles, pois sabe que energia alguma pode ser mais potente que aquela que se desprende do coração dos jovens quando conquistados pela experiência da sua amizade. Cristo “bota fé” nos jovens e confia-lhes o futuro de sua própria causa: “Ide, fazei discípulos”. Ide para além das fronteiras do que é humanamente possível e criem um mundo de irmãos. Também os jovens “botam fé”em Cristo. Elesnão têm medo de arriscar a única vida que possuem porque sabem que não serão desiludidos”.

O Papa disse ter a consciência de que, ao falar aos jovens, fala também “às suas famílias, às suas comunidades eclesiais e nacionais de origem, às sociedades nas quais estão inseridos, aos homens e às mulheres dos quais, em grande medida, depende o futuro destas novas gerações”. E complementou:

“Os pais costumam dizer por aqui: “os filhos são a menina dos nossos olhos”. Que bela expressão da sabedoria brasileira que aplica aos jovens a imagem da pupila dos olhos, janela pela qual entra a luz regalando-nos o milagre da visão! O que vai ser de nós, se não tomarmos conta dos nossos olhos? Como haveremos de seguir em frente? O meu auspício é que, nesta semana, cada um de nós se deixe interpelar por esta desafiadora pergunta”.

O Papa ressaltou que a juventude “é a janela pela qual o futuro entra no mundo” e, por isso, impõe grandes desafios. “A nossa geração – disse Francisco – se demonstrará à altura da promessa contida em cada jovem quando souber abrir-lhe espaço; tutelar as condições materiais e imateriais para o seu pleno desenvolvimento; oferecer a ele fundamentos sólidos, sobre os quais construir a vida; garantir-lhe segurança e educação para que se torne aquilo que ele pode ser; transmitir-lhe valores duradouros pelos quais a vida mereça ser vivida, assegurar-lhe um horizonte transcendente que responda à sede de felicidade autêntica, suscitando nele a criatividade do bem; entregar-lhe a herança de um mundo que corresponda à medida da vida humana; despertar nele as melhores potencialidades para que seja sujeito do próprio amanhã e co-responsável do destino de todos”.

Ao concluir, o Santo Padre pediu a todos a “delicadeza da atenção e, se possível, a necessária empatia para estabelecer um diálogo de amigos. Nesta hora, os braços do Papa se alargam para abraçar a inteira nação brasileira, na sua complexa riqueza humana, cultural e religiosa. Desde a Amazônia até os pampas, dos sertões até o Pantanal, dos vilarejos até as metrópoles, ninguém se sinta excluído do afeto do Papa. Depois de amanhã, se Deus quiser, tenho em mente recordar-lhes todos a Nossa Senhora Aparecida, invocando sua proteção materna sobre seus lares e famílias. Desde já a todos abençôo. Obrigado pelo acolhimento!”.

fonte:www.news.va/pt

Posted in Notícias, Sem categoria | Comentários desativados em Primeiro discurso do Papa no Brasil

1ª etapa do Curso Bíblico da Província sobre Atos dos Apóstolos

No dia 25 e 26 de maio aconteceu a 1ª etapa do Curso Bíblico da Província sobre Atos dos Apóstolos, com 33 participantes, assessorado pelo Prof.Ildo Bohn Gass, no Convento Monte Alverne, SL. As coordenadoras do Curso,  Ir. Nelsí Hoffelder e Ir. Lucia Jacoby lembram que a 2ª etapa do Curso, na mesma modalidade , acontecerá nos dias 05 e 06 de outubro. Vale a pena aprofundar a Palavra de Deus.

Posted in Sem categoria | Comentários desativados em 1ª etapa do Curso Bíblico da Província sobre Atos dos Apóstolos